Fazer transmissões em direto, pode ser uma mais valia para o crescimento da sua empresa e para a sua interacção com os seus seguidores e visitantes. Eventos organizados pela sua empresa ou esclarecimentos em tempo real acerca de vários assuntos da sua área, são alguns dos pontos em que pode, e deve, utilizar esta funcionalidade.

Nos dias que correm, são vários os meios disponíveis para a sua realização. Sendo o principal motivo das transmissões em direto a comunicação em tempo real com as pessoas que estão do outro lado do ecrã, é evidente que esta funcionalidade esteja operacional e em grande destaque nas redes sociais: Hangouts, Youtube Live Events, Periscope e LiveFacebook são alguns bons exemplos.

Vamos falar um pouco sobre cada uma delas.

– Hangouts

Bom para estabelecer conversas em modo mais particular, o Hangouts possibilita o utilizador de comunicar para todo o mundo, com até 10 pessoas a interagir consigo ao mesmo tempo (tal como o Skype). Para os seus utilizadores o verem, o vídeo é colocado no YouTube e também é possível revê-lo mais tarde na mesma plataforma. Antes, era preciso uma conta GooglePlus para poder usufruir do Hangouts, mas agora essas opções ficaram todas reunidas no Youtube, pelo que agora se quiser fazer os chamados “Hangouts On Air”, terá que os fazer no Youtube. Como se faz? Simples. Em apenas alguns passos, consegue aceder as funcionalidades de transmissão de vídeo em direto, através do seu canal YouTube; pode escolher entre transmissão “Rápido” (emissão em direto via Hangouts)  e “Personalizado” (emissão personalizada através de um programa de codificação).

Quando estiver em direto, existe várias opções que pode utilizar. Uma delas, é a possibilidade de poder corrigir a imagem do seu vídeo ao mesmo tempo que está ao vivo; também disponibiliza de um chat para que os seus visitantes possam falar entre si ou interagir consigo; pode também partilhar o ecrã do seu computador para explicar ou mostrar algo aos seus subscritores. No que toca à qualidade do seu vídeo, a Google cria as versões de qualidade mais baixas de acordo com a largura da banda daqueles que o visitam, ou seja até 720p.

Não se esqueça que, antes da sua transmissão ao vivo, existe um link que deve partilhar no seu site e nas redes sociais. Com isso, é bem possível que apareça nos eventos em direto do Youtube, no seu canal do YouTube e na pesquisa do Google.

– YouTube Live Events

O Youtube tem crescido de uma forma exponencial nos últimos anos. Qualquer vídeo que queiramos ver, está lá presente. Esta funcionalidade é um pouco similar ao Hangouts, porém, tem algumas diferenças que podem ser significantes para o que pretende.

Para começar, o “Youtube Live Events” apenas é possível através de um software externo ao YouTube para sua transmissão. Existem vários gratuitos, aos quais destacamos o Wirecast e o XSplit.

São fáceis de configurar e não demoram muito. Depois de toda a configuração, não irá demorar muito até estar online para os seus visitantes. Ao contrário do Hangouts, o “YouTube Live Events” não possibilita mais do que 1 participante na transmissão. No entanto, pode adquirir uma qualidade de vídeo de 1080p, não é obrigado a utilizar o logotipo do Google (no Hangouts é), e permite utilizar várias câmaras.

Conclusão: Hangouts vs YouTube Live Events

Se prentende uma conversa mais próxima, onde queira ter alguns intervenientes no seu vídeo e que queira partilhar para todo o mundo, então deve escolher o Hangouts; se prefere uma transmissão em direto do seu evento para um público definido e que queira transmitir com grande qualidade, então deve escolher o YouTube Live Events.

– Periscope

O Periscope é uma aplicação, comandada pelo Twitter, onde qualquer utilizador do twitter (e não só) possa fazer a sua transmissão em direto. Sendo uma app, essa transmissão pode ser feita praticamente em qualquer lugar, alargando assim a possibilidade de espaço.

Descobrir o mundo pelos olhos de outra pessoa é o principal lema do Periscope, permitindo aquele que esta a ver de poder vivenciar o que está a acontecer. Foi considerada uma das melhores apps de 2015 e o seu interface é bastante apelativo. Segundo as contas da aplicação, em pouco mais de 1 ano, já foram feitas mais de 200 milhões de transmissões em direto.

É excelente para promover grandes acontecimentos e eventos mundiais, pois assim que entra na aplicação, este mostra no início os vídeos mais destacáveis no mundo, seguido de vídeos daqueles que segue. Isto é um grande aspeto que ganha consideravelmente à recente aposta do Facebook, o “LiveFacebook”.

– LiveFacebook

O Facebook também não anda a dormir e face à sua enorme quantidade de utilizadores, as transmissões em direto só podem fazer sentido. Ainda não se encontra tão arrojado e organizado como o Periscope, mas as expetativas são muito altas devido mesmo à quantidade de utilizadores que a rede social tem.

Atualmente, qualquer perfil ou página pode realizar o seu vídeo em direto para os seus seguidores e partilhar no Facebook em poucos segundos. No que toca à interação dos seus visitantes, estes podem reagir com os mesmos emoticons que pode usar nas fotos e publicações da rede social, e também pode comentar.

É possível navegar pelas emissões existentes em direto num separador existente na plataforma do Facebook.

 

Conclusão

Existem muitos outros suportes para poder fazer as suas transmissões online, mas achamos que estas que apresentamos serão as que terá mais probabilidade de receber muitos visitantes.

Prepare-se para os seus diretos, seja o mais transparente possível, seja moderado na duração das suas transmissões e mostra apenas o essencial para captar todo o interesse de quem o vê.

Temos muitos mais conselhos para si! Faça-nos saber daquilo que pretende fazer, nós estamos aqui para o ajudar!

Contacte-nos!